quarta-feira, outubro 07, 2015

Nos consensos de Cavaco, a fava sai sempre ao PS


Cavaco até pode parecer bem intencionado, mas de bem-intencionados está o inferno cheio.
Cavaco sabe que nem Passos Coelho quer compromissos que limitem o radicalismo ideológico que  o move, nem António Costa aceitará comprometer-se com políticas contrárias ao programa do PS, como esclareceu na noite eleitoral.

O objectivo do presidente da República é culpar o PS pelo fracasso deste simulacro de negociações e enfraquecer a posição dos socialistas nas eleições que fatalmente vão acontecer no próximo  ano.

Seguro ia caindo na esparrela.  Costa já está avisado.

1 Comentários:

Às 07/10/15, 14:55 , Blogger J. Cosme disse...

Infelizmente para todos nós, o aviso que foi dado a Costa não nos vai servir de nada, como provam as opiniões "democráticas" que já pululam no interior do PS.
Fiquei, sobretudo, muito elucidado com o teor de uma carta enviada a Costa(particular ou pública? Não sei...) por um militante A. Galamba...
Um certeza passei a ter: não é na minha vida neste mundo que algo de muito didferente vai acontecer neste país e neste mundo. Mas que vai acontecer, disso não tenho dúvidas.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial