terça-feira, agosto 23, 2016

O IMI dos bispos

A igreja nunca assume os fins lucrativos, mas tem lucros. 

A fuga aos impostos está no ADN  da igreja católica portuguesa, desde sempre relapsa no cumprimento das suas obrigações fiscais.

É tempo de acabar com isso.

segunda-feira, agosto 22, 2016

A medalha

Melhor que ouro foi a medalha que o maratonista etíope,  Feyisa Lília,  ganhou ao lembrar ao mundo o que o mundo não quer ouvir: "o governo está a matar o meu povo".

Enquanto os atletas de alguns países culpam os respectivos governos pelas suas decepcionantes prestações, outros usam as medalhas que conquistam para lutar pela liberdade do seu povo.

domingo, agosto 21, 2016

Em exemplo da nossa (falta de) cidadania

"Conduzir sem carta? Todos os dias são apanhadas 23 pessoas a fazê-lo" 

sábado, agosto 20, 2016

Milhões de razões para Trump querer ser presidente

"Dívidas de Trump ultrapassam os 650 milhões de dólares, diz “New York Times”

sexta-feira, agosto 19, 2016

O soco do Hélder


O deputado Hélder Amaral não encontrou melhor para agradar a José Eduardo dos Santos do que comparar o MPLA ao CDS. 
Pelo compadrio, pela corrupção, pelo desrespeito do estado de direito, pela perseguição aos opositores, não se enganou muito. 
Aliás, o CDS é um partido "quase" angolano. O Hélder nasceu lá e tem nacionalidade angolana, embora se considere "beirão de gema", a Cristas também se reclama angolana, embora tenha vindo para Portugal com um ano de idade é só tenha voltado a Angola com trinta...

quinta-feira, agosto 18, 2016

Por que não há crescimento económico


Dizem-nos que não há crescimento por falta de investimento, mas o que faz falta é investir nas pessoas, desenvolvendo uma cultura de educação e exigência. 
Não vamos lá com a generalização da cultura pimba propagada pelas tvs. A cultura pimba nivela por baixo, promove o desleixo e só desenvolve o populismo e a boçalidade.

terça-feira, agosto 16, 2016

Leviandades

As exibições dos nossos atletas nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro têm ficado aquém do esperado.   A imprensa e um jornalismo pouco rigoroso conjecturam medalhas que só por milagre seriam ganhas pelos nossos atletas, tais as diferenças demonstradas nas provas.

Já tivemos atletas de nível mundial, mas não houve renovação e os anos não perdoam.

segunda-feira, agosto 15, 2016

Quando a Madeira era do Jardim...


As tragédias da Madeira não são apenas os incêndios e as cheias das ribeiras.


domingo, agosto 14, 2016

A purga

Não sei para onde vai  a Turquia mas desconfio que o Mustafa Kemal Atatürk ainda não parou de dar voltas na sepultura face ao que Erdoğan está a fazer à boleia do golpe de estado, que muitos sugerem ter sido uma ficção.
Por outro lado, o súbito e descarado namoro a Vladimir Putin, para fazer pirraça a União Europeia (e à NATO), demonstra que o presidente turco não é fiável e, à falta de rumo, navega à vista.

sexta-feira, agosto 12, 2016

A indústria do fogo

Follow the money...

quarta-feira, agosto 10, 2016

Salvem o Funchal!


terça-feira, agosto 09, 2016

Parabéns Telma

Telma Monteiro, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Rio 2016 

Desporto não é só futebol... 

Fazer o bem sem olhar a quem

sábado, agosto 06, 2016

O ego de Mourinho e a sombra de Ronaldo

Jose Mourinho é um grande treinador de futebol, mas já foi despedido mais do que uma vez. Aliás, as estatísticas indicam que não consegue estar mais de duas épocas inteiras no mesmo clube, e nos últimos anos tem andado afastado dos eleitos para melhor treinador.

Por sua vez, Cristiano Ronaldo tem sido muito estável: esteve no Manchester United de 2003 a 2009 e desde esta data no Real Madrid; Todos os anos está entre os três melhores jogadores concorrentes a bola de ouro e ganhou três, tantas quantas as ligas dos campeões que conquistou.

Mesm assim tem muitos críticos entre os seus compatriotas, uns porque a sua fama lhes faz sombra, outros porque não simpatizam com as cores que Ronaldo defende ou defendeu. Mourinho é um dos que não deixa escapar uma escorregadela do capitão da nossa selecção sem o criticar. Não é de agora, mas de cada vez que o faz fica mas azedo, e só se prejudica. 




sexta-feira, agosto 05, 2016

O Mau e o Vilão

Clint Eastwood, herói do filme " O Bom, O Mau e o Vilão" em que faz o papel de bom porque  tem a pontaria mais afinada, ressuscitou para apoiar o vilão Donald Trump. Nesta  versão do filme, o Bom não entra.
Lá diz o ditado: Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és...

quarta-feira, agosto 03, 2016

Sol e vistas

Obviamente que a exposição solar e as vistas boas, más, ou assim assim, são elementos a ter em conta na avaliação de um imóvel e, naturalmente, deve reflectir-se no IMI.

Fingir que não, é cinismo.

Durante quatro anos tivemos um governo cínico que tentou fazer dos portugueses parvos. A forma como o CDS e o PSD reagiram à decisão de agravar ou desagravar o IMI, em função da exposição solar ou das vistas, vai no mesmo sentido e não é séria.


segunda-feira, agosto 01, 2016

Valeu a pena - Mário Moniz Pereira (1921-2016)




Música, a outra paixão do "Senhor Atletismo". 

sexta-feira, julho 29, 2016

O que os portugueses sabem há muito e o FMI só agora descobriu

Agora é oficial: A receita da troica foi um autêntico crime económico de que portugal foi vítima e as cavalgaduras que quiseram ir "além da troica" devem ser responsabilizados pela co-autoria desse crime. 

Em vez de andarem por aí a invocar o diabo, os obreiros da austeridade (Cavaco Silva, Passos Coelho, Maria Luís, Paulo Portas), deviam estar com as orelhas a arder ao constatarem que as suas politicas tiveram o efeito contrário ao que se propuseram.



Nota: O governo actual virou a página da austeridade para recuperar o país dos malefícios das políticas Troica/Passos e os resultados começam a aparecer: Desde o princípio do ano já foram criados cem mil empregos.


Sócrates sempre

Não há volta a dar: quando a direita começa a escorregar para a valeta, pega-se no papão agregador para acordar as hostes.

Depois da entrevista do director do DCIAP, em que os portugueses ficaram  saber que as investigações continuam a procurar indícios da culpa do ex-primeiro-ministro, ontem foi a vez da SIC fazer um painel de jornalistas da casa com dois advogados. 
Bem tentaram os advogados ter uma discussão serena. Porém, nas cabeças dos jornalistas da SIC havia o propósito de responsabilizar Sócrates por todos os crimes reais ou imaginários cometidos em Portugal desde a fundação da nacionalidade e bem tentaram.

Curem-se!

quinta-feira, julho 28, 2016

Trump aos papéis

Donald Trump pediu ajuda à Rússia (ou a qualquer país ou pessoa) que envie para o FBI os emails de Hillary Clinton em que supostamente terá posto em causa a segurança dos Estados Unidos quando era Secretária de Estado.

Será que Donald Trump confia mais nos métodos e na capacidade de investigação do KGB do que nos do FBI?...





quarta-feira, julho 27, 2016

As sanções que a direita quer


Siga os links e não deixe de ler o texto completo, "CAVACO, AS SANÇÕES E OS PORTA-VOZES CAVAQUISTAS", sobre a posição de  Cavaco Silva no Conselho de Estado  e do pretenso desmentido dos seus acólitos, que não do próprio...  

Os gulosos do Pêra Manca



Não se pode dizer que tenham mau gosto, mas cuidado com as imitações. Acabam de ser apreendidas 1700 garrafas cujo rótulo nada tem a ver com o conteúdo. 
Se tem gostos caros,  confira o selo de identificação da garrafa para não ser enganado. Doutra forma arrisca-se a pagar mais de trezentos euros por uma zurrapa.
A tradição do vinho a martelo continua viva.

terça-feira, julho 26, 2016

O Diabo chegou mais cedo


De cada vez que Passos Coelho augura uma desgraça para este governo, a realidade desmente-o.
Previu que lá Setembro vinha aí o Diabo mas o  Diabo chegou até mais cedo, mas foi para ele:

- Quanto ao deficit - que Passos Coelho não conseguiu reduzir apesar do "enorme aumento de impostos" e do corte das pensões e salários - só nos primeiros seis meses deste ano já baixou mil milhões.

Mesmo com as reposições que Passos e Portas roubaram aos trabalhadores e pensionistas.

"... os portugueses desejam tanto o regresso de Passos Coelho ao poder como apanhar uma forte gripe no verão", diz-se à direita...



segunda-feira, julho 25, 2016

Processar Bruxelas

A ideia pode parecer bizarra, mas não é. 
Se a Comissão Europeia discrimina Portugal e Espanha, sancionando-os por deficits excessivos, e faz vista grossa a outros países com deficits iguais ou superiores, estamos perante uma instituição venal, que aplica a lei como lhe dá jeito e não conforme a justiça. A isto chama-se violação da lei, e pune-se judicialmente.

Ao Tribunal de Justiça da União Europeia compete "velar por que a legislação da UE seja interpretada e aplicada da mesma forma em todos os países da UE; garantir que as instituições e os países da UE respeitam a legislação da UE."

Se o presidente da Comissão se dá ao luxo de responder por que razão a França não é castigada por deficits excessivos "Parce que c’est la France", não será difícil provar que a legislação da UE não está a ser aplicada da mesma forma em todos os países e que a Comissão Europeia a viola.

domingo, julho 24, 2016

Azias

Em linguagem futebolística, azia significa mau-perder.
Uma parte da sociedade portuguesa, com o PSD e CDS à cabeça, sofre do mesmo mal, pois ainda não percebeu o que se passou nas ultimas eleições legislativas. Mas é muito simples: O PSD+CDS tiveram menos votos do que o PS+PCP+BE.

Cansados de dar a mão à direita, desta vez o BE e o PCP preferiram dar a mão ao PS e chumbaram o governo da PaF - que o aziago Cavaco Silva  insistiu em nomear - deixando passar o governo do PS.


Por falar em atoardas, que dizer da "suspensão de 16 fundos estruturais como sanção contra défice excessivo" que ontem fez as delicias da comunicação social?

Era mentira e já foi desmentido.

A azia tem destas coisas.

sábado, julho 23, 2016

A culpa dos passa-culpas

Desde que foram expulsos do governo pela maioria parlamentar de esquerda,  o PSD e o CDS têm-se comportado como Pilatos,  não assumindo as responsabilidades pelo descalabro que provocaram nos quatro negros anos em que governaram.

Os exemplos mais escandalosos são a ruína  do Banif - que o governo de Passos deixou arrastar para ganhar as eleições - e  o processo das sanções.
Apesar  das previsíveis irritações,  a  comissão de inquérito ao Banif não podia deixar de concluir  o óbvio:

A culpa foi de acionistas, administrações, BdP e Governo PSD-CDS. (Expresso)

No processo das sanções por deficit excessivo nos anos de 2013 a 2015, foi a própria comissão europeia que acabou com a fanfarronice de Maria Luís, ao apontar para quem governou naqueles anos a responsabilidade pelas sanções. 

A raiva dos buldogues de serviço não chega para calar a verdade. 

sexta-feira, julho 22, 2016

Esclerose politica




Ao despedir-se dos deputados do PSD para ir de férias, Passos Coelho mostrou mais una vez que  não consegue assimilar os resultados das últimas eleições, em que a direita perdeu a maioria.

O seu discurso é um  sintoma de esclerose política terminal.

quarta-feira, julho 20, 2016

Os brasões da Praça do Império

Os brasões que actualmente são  tema da discorda entre a direita e a esquerda (já vão perceber porquê) são arranjos florais que representam os brasões dos distritos do continente e ilhas adjacentes e das colónias.

Há anos que a Constituição da República extinguiu os distritos do continente e ilhas adjacentes, e as colónias tornaram-se independentes vai para meio século. Manter os brasões obsoletos para turista ver não paga o trabalho de os manter,  além poder ser considerado insultuoso para os novos países.

Os  brasões originais estão esculpidos na pedra da fonte luminosa no centro da praça. As imitações forais apareceram mas tarde,  prenunciando o estertor colonial do Estado Novo. 
Não admira que o CDS e o PSD queiram manter os arranjos florais do tempo de Salazar. Afinal ele ainda é a sua principal inspiração...

terça-feira, julho 19, 2016

O algodão não engana

O plágio de lady Trump ao discurso de Michele Obama é mais um episódio da trama que os ultra-conservadores urdiram para assaltarem  a Casa Branca. O clown de que se serviram pode ser uma grande surpresa, mas tanto ele como a miss que apresentou como primeira dama não resistem ao teste do algodão.

Na "melhor" das hipóteses, será uma versão do Bush filho... 

segunda-feira, julho 18, 2016

A marcha atrás das carroças

 A proposta parecia surreal, de tão distante do país e das suas tradições: o PAN (como se chama mesmo este partido?) ia apresentar no parlamento uma proposta de lei para proibir os carros e carroças de tração animal de circularem em todas as estradas.
Em alternativa propunha que o estado, isto é, os contribuintes, disponibilizassem os fundos para facultar meios de transporte motorizados a quem ainda usa carroças...

Porém terá havido um rebate de bom senso e a proposta fez marcha atrás.

domingo, julho 17, 2016

O golpe turco

A violenta caça às bruxas que Erdogan está a levar a cabo a coberto da reacção ao golpe de estado está a pôr de pé atrás muita gente sobre as reais origens do golpe. 
Prender milhares de juízes não é típico de um estado de direito e a ameaça da restauração da pena de morte também não prenuncia um avanço civilizacional.

Ainda não se percebeu para onde se inclina o regime turco, mas o aumento da frequência do chamamento  para a oração  não conduz necessariamente ao paraíso...

sexta-feira, julho 15, 2016

As ameaças de Bruxelas

Lembro-me do tempo em que Portugal era condenado semanalmente na ONU por manter uma guerra contra a independência das colónias.
Numa imprensa controlada pelo regime, as reações faziam lembrar a indignação provocada pelo ultimato inglês ao mapa cor-de-rosa.

A imprensa de hoje não é controlada pelo governo, mas está encostada à direita e alinha com o liberalismo bruxellois, que não se tem poupado a esforços para que o governo de Costa seja um fracasso, temendo o sucesso de uma solução governativa  anti-austeridade.
Ainda não sabemos se as sanções prometidas pelos ministros das finanças capitaneados por Schäuble ficarão pelo raspanete ou será mais um assalto à carteira dos portugueses. Coisa boa não é. 

Como me insurgi contra aqueles que apregoavam "Portugal não é a Grécia", também não gostei de ouvir um ministro espanhol dizer que a "Espanha não é Portugal", mas não deixa de ser um sintoma do "salve-se quem puder" em que caíram as relações entre os estados da União Europeia.

Ao contrário do que já li por aí, a reação de Portugal às sanções deve ser de inequívoca rejeição, sem considerações quantitativas.
É uma exigência patriótica, que não se compadece com atenuantes de ocasião. 

quarta-feira, julho 13, 2016

O escândalo da TDT

Há uns anos a esta parte, o país foi tomado de assalto pelos fornecedores de telecomunicações (NOS, Meo, Cabovisão, Vodafone) que forçaram literalmente os portugueses a pagar uma mensalidade  por serviços que para uma grande parte das famílias podiam ser gratuitos.

Os canais de TV vistos pela maioria das famílias são os canais generalistas, até agora os únicos distribuídos pela TDT. Porém, o que se constata é que a maioria dos portugueses aderiu às campanhas das tvs por subscrição, mesmo que não use internet nem passe além do canal 4... 

O que não se compreende é a abstenção do PSD, a não ser por "respeito" ao militante número 1, o dono das SICs, que se tem oposto sistematicamente à inclusão de mais canais na TDT. 



Os buracos de Passos e Maria Luis

Desde que tomou posse, o governo de António Costa ainda não descansou de tapar os buracos deixados pelo governo de Passos Coelho e pela sonsa da sua ministra das finanças.
O primeiro buraco, uma autêntica fossa de Mindanau, foi  o Banif, um episódio que simboliza a cinica política do PSD e do CDS, que no ano que precedeu as eleições deixaram de governar na ânsia de as ganhar.

Tanto se esforçaram que fecharam com deficit excessivo os anos de 2014 e 2015 e, cúmulo do cinismo, ainda culpam o actual governo pelas sanções decididas pela UE relativas a esses deficits.

Como se já não bastasse, todos os dias aparecem mais buracos que a governação esconde-esconde da PaF tapou com intuitos eleitoralistas:

"Governo de Passos deixou buraco de 50 milhões na eletricidade"