quarta-feira, setembro 28, 2016

Um puto malcriado?


É um garoto e faz birras como os outros. Tudo normal.

terça-feira, setembro 27, 2016

Demagogia à solta



Sousa Tavares: Fim do sigilo bancário “parece medida do Governo de Maduro” 

Os comentadores parecem-se cada vez mais com os  políticos que criticam.
Sofrem dos mesmos males, mas como não são julgados pelo voto popular, não se corrigem e ficam autistas.

segunda-feira, setembro 26, 2016

Acomodados

O governo mudou há quase um ano, mas o comentário televisivo continua alinhado com Passos Coelho e Portas, como se ainda governassem em obediência ao FMI.
Nesse tempo, quando se  cortavam salários e pensões e aumentavam os impostos empobrecendo a classe média, não se ouvia tanto barulho como o que provocou a intervenção de Mariana Mortagua ao defender o aumento do IMI para o património imobiliário superior a meio milhão de euros.

Dizem estes acomodados comentadores (Marques Mendes, Camilo Lourenço, José Gomes Ferreira...) que temos pouco ricos e por isso não se justifica esse aumento, um raciocínio tão tortuoso que aconselharia tratamento psiquiátrico. Uma simples consulta às estatísticas do mercado imobiliário ensinaria a estes preguiçosos enquistados que os imóveis que mais rapidamente se vendem são os mais caros e não são assim tão poucos: de Lisboa a Cascais, não há bairro que se preze que não tenha o seu condomínio de luxo. No Porto, a Foz também não é para todos e dos resorts de luxo do Algarve nem é bom falar...

Que os ricos não queiram pagar mais impostos compreende-se. Que os comentadores lhes facilitem a vida, transpondo-os para a classe média, é que é criminoso.

O que Mariana questionou foi o establishment que se apoderou do comentário político e um certo  conceito de politicamente correto que afecta a nossa classe política, incluindo a de esquerda.
Que nunca a voz lhe doa!




domingo, setembro 25, 2016

Orçamento 2017

Tenho resistido à algazarra sobre um eventual imposto sobre patrimónios avultados. Aliás, ninguém ainda conhece os contornos de tal imposto,  ou sequer se se vai concretizar.
Por isso, será melhor aguardar pela proposta de orçamento para 2017 e logo falaremos. Já abriu a caça às rolas mas quem tem estado de baixo de fogo é a Mariana...

sexta-feira, setembro 23, 2016

"Tem sido giro..."

terça-feira, setembro 20, 2016

Habituem-se!

Anda muita gente incomodada com o  protagonismo de Mariana Mortágua. Há mesmo quem diga que é ela que manda no governo...
Até ao ano passado, quando a direita estava na oposição beneficiava de uma aliança tácita com o PCP e o Bloco de Esquerda contra os governos do Partido Socialista.
O acordo conseguido por António Costa para formar o actual governo transformou o PCP e o BE em aliados do PS e deixou a descoberto o gueto ideológico onde o PSD e o CDS se acoitam.
É isso que os move contra Mariana.


Mourinho ainda não percebeu

Mourinho não percebeu o que lhe aconteceu na última temporada no Chelsea e que já tinha começado no Real Madrid.
Mourinho foi grande enquanto considerou os jogadores seus iguais e está a tornar-se pequeno por ter começado a vê-los de cima para baixo...

Depois de ter sido despedido pela segunda vez do Chelsea, justificava-se um período de reflexão e de auto-crítica. 
Enquanto o ego de Mourinho não se sujeitar a tais curas de humildade dificilmente recuperará o respeito e a autoridade sobre os jogadores. Sem isso não há liderança.

Por outro lado, se a obsessão de treinar equipas de topo pode ser aceitável numa situação normal, o facto de não ter conseguido aguentar-se mais de duas épocas nesses clubes denúncia uma gestão inadequada das relação com as vedetas que treina, parecendo querer disputar-lhes o vedetismo.
Para regressar ao nível que já teve, Mourinho vai ter de recomeçar por clubes sem grandes aspirações onde não haja vedetas que lhe ensombrem o ego.


domingo, setembro 18, 2016

Um país sob escuta

Quando a justiça considera que está à ser escutada, embora não o consiga provar, o direito à privacidade é uma panaceia.
 É a consequência da vulgarização das escutas na investigação criminal, uma prática com efeitos nefastos na qualidade da democracia e na confiança dos cidadãos. 

sexta-feira, setembro 16, 2016

Justiça corporativa



Não é o único sector da Administração Pública onde o interesse público é ameaçado pelos interesses corporativos. Mas na justiça, senhores, põe em causa o estado de direito e os fundamentos da democracia.


Coscuvilhices

Pedro Passos Coelho e o PSD dizem que querem "levar Portugal a sério". Mas entre o que dizem e o que fazem não há semelhança.

segunda-feira, setembro 12, 2016

O lobista

Ao contrário do que a falecida mulher deu a entender quando o crismou de "Cherne", Durão Barroso nunca foi um líder. Mesmo quando desempenhou o cargo de Presidente da Comissão Europeia, foi sempre uma figura de segundo plano e, mal saiu, apressou-se  a aceitar a função de lobista da Goldman Sachs, uma espécie de manga de alpaca da política.  
Como quem não quer ser lobo não lhe veste a pele, é assim que Bruxelas o vai tratar: lobista, como os anónimos que por lá pululam.

A justiça e os justiceiros

domingo, setembro 11, 2016

Também canta o fado?


Sem querer ofender as profissionais do ramo, convenhamos que Assunção Cristas tem tiques de varina, e talvez por isso se considera agora lisboeta depois de se reivindicar angolana. 
Tem tudo colado à pressa, a começar pela personalidade política que tarda em definir-se.

sábado, setembro 10, 2016

O desamor alemão

A propósito da reunião dos países do Sul da Europa que aconteceu em Atenas,   o ministro das Finanças alemão , Wolfgang Schäuble, terá comentado: “quando líderes de partidos socialistas se encontram não sai, na maioria das vezes, nada de muito inteligente”

Para além da grosseria habitual, desta vez o ministro alemão insulta os povos que elegeram quem os governa. 
Quem se reuniu em Atenas não foram os líderes socialistas dos países do Sul, foram os governantes desses países. 

Há muito que a chanceler Angela Merkel deveria ter posto pimenta na língua a este desbocado.  A não ser que o use para ele dizer o que ela não pode... 


sexta-feira, setembro 09, 2016

A causa e o efeito


A culpa não deve ser da sociedade…
Muito do que de menos bom acontece na escola pública pode não ser culpa dos professores, mas a "sociedade" parece atribui-lhes alguma responsabilidade.
Por exemplo, quando os professores marcam greves para dias de exame, como aconteceu por diversas vezes, não podem esperar que a sociedade "desvalorize" esses comportamentos. Valoriza-os negativamente.
Há escolas más e escolas boas. As diferenças não podem estar nos alunos, de cuja indisciplina os professores se consideram vítimas, como se não fossem eles os responsáveis das salas de aula. 
A direção e o respetivo corpo docente é que “fazem” a escola.



quinta-feira, setembro 08, 2016

Zanga de comadres

O compadrio entre o Presidente Cavaco Silva e o seu íntimo assessor Fernando Lima produziu o escândalo que ficou conhecido por "escutas de Belém", uma tentativa de golpe contra o governo do Partido Socialista perpetrada a partir do Palácio de Belém.
Nem o ex-presidente da Republica nem o seu assessor esclareceram até agora o episódio que manchou indelevelmente os mandatos cavaquistas.

As desculpas que têm vindo a ser apresentadas nas entrevistas de Fernando Lima, atirando para o anterior presidente a responsabilidade por aquela vergonhosa manobra, são meras ações de propaganda para promover um livro onde o autor vaza o seu ressentimento por Cavaco Silva o ter ostracizado, quando a atoarda das escutas foi desmascarada.
O azedume de Fernando Lima contra o seu protector nada interessa ao país. Reafirma apenas o carácter rasteiro e pouco recomendável de ambas as personagens para os cargos que exerceram, mas isso já os portugueses sabiam.

terça-feira, setembro 06, 2016

Matar mulheres não honra ninguém


Há quem diga que o Corão condena estes actos criminosos, mas a verdade é que os seus autores continuam a perpetrá-los invocando o Islão e beneficiando da conivência e cumplicidade de personalidades e instituições islâmicas.

Para lavar a honra destas famílias, planeiam-se autenticas conspirações que passam por atrair as mulheres a executar, usando pérfidas artimanhas, como aconteceu com a infeliz Samia Shadid que foi induzida a viajar para o Paquistão para visitar o pai supostamente doente. 
Aliás, parece que o próprio pai e o ex-marido de Samia terão sido os mentores da conspiração  que culminou com a violação e morte da jovem Anglo-paquistanesa. 
O crime é horrendo demais para ser esquecido, mas a conivência policial que tentou silenciar o crime mostra como estes crimes são socialmente tolerados no Paquistão e noutros países islâmicos, apesar de terem leis que os proíbem. 

segunda-feira, setembro 05, 2016

Cristas, a irrealista

Apetece perguntar por que razão não fez tão absurda proposta durante os quatro anos em que esteve no governo...
Nem vale a pena perguntar, porque a deriva populista da herdeira de Portas faz dela um cata-vento: Num dia defende a classe média "vitima das esquerdas unidas", no dia seguinte propõe que seja essa mesma classe a pagar o benefício dos mais ricos.

domingo, setembro 04, 2016

O maquinista do comboio fantasma



sábado, setembro 03, 2016

Bagunça

Há quem confunda sindicalismo com bagunça. 
E o contribuinte a pagar...
Não há pachorra (nem polícias) para tantos sindicatos. 

quinta-feira, setembro 01, 2016

Vejam lá se se entendem

No PSD é assim: Enquanto Passos Coelho assusta os investidores com os papões esquerdistas que apoiam o governo ( PCP e Bloco de Esquerda ), o esquecido Poiares Maduro compara o governo de António Costa aos partidos ostensivamente reacionários que governam a Polónia e a Hungria... 
Se no PSD ainda há dúvidas sobre a orientação ideológica do governo do PS, quanto tempo mais precisarão para se esclarecerem?

terça-feira, agosto 30, 2016

Ratos de sacristia

Escondem-se nos gavetões puídos de séculos, disfarçados nos entrefolhos  dos paramentos naftalínicos.

Quando a noite desce, saem dos esconderijos e assaltam sem escrúpulos os lugares sagrados sob a  luz  indefesa das lamparinas que projectam as sombras gigantescas dos invasores sobre as naves despidas das igrejas. 
Alimentam-se do vinho que sobra nos cálices, das migalhas das hóstias e nem a cera fria escorrida dos castiçais escapa à voragem destes assaltantes noturnos. Só quando a luz do sol ilumina os vitrais, dando vida às igrejas desertas, recolhem aos confortáveis esconderijos, empanturrados.
Se algum rato de rua se arrisca a disputar-lhes o terreno, os ratos de sacristia tocam a rebate e num instante se forma um exército para defender a coutada:

 "PSD quer explicações sobre cobrança de IMI à Igreja";

"Assunção Cristas acusa Governo de "cegueira ideológica" por querer cobrar IMI à Igreja".



segunda-feira, agosto 29, 2016

Mentiroso, Fundamentalista e Antidemocrático

Ao fazer esta pergunta, Passos Coelho  desce mais um degrau na espiral populista que o vem caracterizando desde que assumiu a liderança do PSD.
Mente, porque nem o PCP nem o Bloco de Esquerda dirigem o país, já que não estão no governo. Quem está no governo é o Partido Socialista, limitando-se aqueles partidos a apoiá-lo no parlamento em matérias que foram objecto de acordos previamente celebrados.
É fundamentalista, porque não aceita que partidos com ideologia diferente da sua possam participar na governação do país. 
É antidemocrático, porque não respeita a Constituição da República nem os portugueses que votaram naqueles partidos. 

Além disso, Passos Coelho faz mais um discurso de subserviência ao capital estrangeiro como se aí residisse a salvação do país. Ao contrário do que defende o líder do PSD a salvação do país está, como sempre esteve, no povo que ele mandou emigrar quando lhe tirou os empregos para fazer a vontade ao tal capital que ele agora apresenta como salvador do país... 

domingo, agosto 28, 2016

A Caixa Geral de Depósitos e a má consciência do PSD e do CDS

Marcelo Rebelo de Sousa já se congratulou com a solução encontrada pelo governo de António Costa para a capitalização da Caixa Geral de Depósitos. 
A Comissão Europeia também concordou.

Seria natural que o PSD e o CDS - que durante os quatro desastrosos anos que (des)governaram o país afundaram o BES e o Banif e aumentaram o buraco da CGD -, se regozijassem pela solução que irá possibilitar a reabilitação do banco público e, consequentemente, o reforço de todo o sistema bancário. Mas não.

Apostados numa estratégia de quanto pior melhor para voltarem ao poder,  Passos Coelho e Assunção  Cristas, limitam-se a criticar as soluções deste governo para os problemas que eles criaram, demonstrando dia a dia a mesma irresponsabilidade com que governaram.

sexta-feira, agosto 26, 2016

O melhor do ano

Cristiano Ronaldo, eleito melhor jogador da UEFA 2015/2016.

Votos: Ronaldo    40
             Griezmann  8
             Gareth Bale  7

quarta-feira, agosto 24, 2016

Parvo desde pequenino


A clubite revela pequenez, se bem que este nunca cresceu. 

terça-feira, agosto 23, 2016

O IMI dos bispos

A igreja nunca assume os fins lucrativos, mas tem lucros. 

A fuga aos impostos está no ADN  da igreja católica portuguesa, desde sempre relapsa no cumprimento das suas obrigações fiscais.

É tempo de acabar com isso.

segunda-feira, agosto 22, 2016

A medalha

Melhor que ouro foi a medalha que o maratonista etíope,  Feyisa Lília,  ganhou ao lembrar ao mundo o que o mundo não quer ouvir: "o governo está a matar o meu povo".

Enquanto os atletas de alguns países culpam os respectivos governos pelas suas decepcionantes prestações, outros usam as medalhas que conquistam para lutar pela liberdade do seu povo.

domingo, agosto 21, 2016

Em exemplo da nossa (falta de) cidadania

"Conduzir sem carta? Todos os dias são apanhadas 23 pessoas a fazê-lo" 

sábado, agosto 20, 2016

Milhões de razões para Trump querer ser presidente

"Dívidas de Trump ultrapassam os 650 milhões de dólares, diz “New York Times”

sexta-feira, agosto 19, 2016

O soco do Hélder


O deputado Hélder Amaral não encontrou melhor para agradar a José Eduardo dos Santos do que comparar o MPLA ao CDS. 
Pelo compadrio, pela corrupção, pelo desrespeito do estado de direito, pela perseguição aos opositores, não se enganou muito. 
Aliás, o CDS é um partido "quase" angolano. O Hélder nasceu lá e tem nacionalidade angolana, embora se considere "beirão de gema", a Cristas também se reclama angolana, embora tenha vindo para Portugal com um ano de idade é só tenha voltado a Angola com trinta...

quinta-feira, agosto 18, 2016

Por que não há crescimento económico


Dizem-nos que não há crescimento por falta de investimento, mas o que faz falta é investir nas pessoas, desenvolvendo uma cultura de educação e exigência. 
Não vamos lá com a generalização da cultura pimba propagada pelas tvs. A cultura pimba nivela por baixo, promove o desleixo e só desenvolve o populismo e a boçalidade.

terça-feira, agosto 16, 2016

Leviandades

As exibições dos nossos atletas nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro têm ficado aquém do esperado.   A imprensa e um jornalismo pouco rigoroso conjecturam medalhas que só por milagre seriam ganhas pelos nossos atletas, tais as diferenças demonstradas nas provas.

Já tivemos atletas de nível mundial, mas não houve renovação e os anos não perdoam.