sexta-feira, maio 24, 2019

Caça aos elefantes

Todos se lembram que o anterior rei de Espanha, Juan Carlos, ficou ferido numa caçada aos elefantes no Botswana, algo que ele não queria que se soubesse mas o ferimento tornou público...
Também se sabe que avistar um elefante em liberdade no continente africano é cada vez mais difícil.
Em Angola, tive a felicidade de ver um em liberdade no Cuanza Sul e garanto que a sua imponência não tinha nada a ver com os acabrunhados que se exibem nos zoos.
Mas isso foi na década de 1960, quando a população de elefantes em Angola andaria pelos 70.000. Agora não chega aos 4000 e para se verem tem de se ir ao Cuando-Cubango, perto da fronteira nordeste do Botswana, a verdadeira reserva africana dos elefantes...

Suspender a proibição da caça a estes extraordinários animais, como acaba de fazer o governo do Botswana para satisfazer a procura do marfim, não é uma boa notícia, nem ajuda à conservação da espécie.


1 Comentários:

Às 24/05/19, 19:07 , Blogger Abraham Chevrolet disse...

Paramos os Unimogs e as Berliets para que uma manada passasse a picada sem problemas...isto é,o elo mais fraco acautelou-se,e os elefantes lá foram em paz.
A África era e é uma terra que nos chama,sempre.Para quando viagens aéreas a um prrço tal que possamos ir a Luanda ao preço da ida a...Moscovo?

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial