sexta-feira, maio 29, 2009

A Censura de Berlusconi

A editora, que habitualmente publica os livros de José Saramago em Itália, recusou publicar “O Caderno”, colectânea de textos publicados no blogue do escritor. Berlusconi é o proprietário da editora e a recusa prende-se com as críticas que o Nobel faz ao primeiro-ministro italiano («Na terra da Máfia e da Camorra, que importância pode ter o facto provado de que o primeiro-ministro seja um delinquente?»).

Lembre-se que Berlusconi é cabeça de lista às eleições europeias, integrando o mesmo grupo parlamentar dos inefáveis Paulo Rangel e Nuno Melo.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial