segunda-feira, dezembro 21, 2009

Uma a uma, as inventonas vão-se desmascarando

Não, não vou falar daquela fonte de Belém que se encontrou com um jornalista na Avenida de Roma para lhe dizer que suspeitava que o governo andava a escutar o Presidente da República, quando, na realidade, era o Primeiro-ministro que estava a ser ilegalmente escutado (processo face oculta).
Também não vou falar daquele jornal que conseguiu ver 10.000 euros dentro de um saco entregue a uma certa a pessoa e essa pessoa não os viu.
A inventona que hoje vos trago teve origem na coqueluche mediática da nossa direita, a revista Sábado, mas é tão rasteira como as outras.
Foi nas suas páginas que se deu cobertura a uma das maiores mentiras dos últimos meses, quando publicaram que o governo privilegiava o Diário de Noticias e demais imprensa que lhe era favorável no investimento publicitário.
Na verdade, quem beneficiou e muito do tal investimento publicitário foi o Correio da Manhã, um jornal que não guarda segredos, salvo se vierem por email…
PS: Hoje, que queria escrever sobre os malefícios de uma linha de alta tensão entre Belém e S. Bento, saiu-me isto!

3 Comentários:

Às 21/12/09, 15:18 , Anonymous MFerrer disse...

A questão é que esta "media" tem o poder de lançar titica no ventilador e depois não há volta a dar. A merda voa e mantem-se no ar com a leveza das plumas e dos anjos. Enquanto não houver sancionamento efectivo para os prevaricadores dos jornais, os vendidos a soldo da reacção, os que deitaram a moral, os bons costunmmes e a ética, atada a um tijolo, ao fundo do mar, nada nem ninguém está a salvo deste tipo de terrorismo impresso.
E é desta porcaria que se alimentam os vegetais mais nojentos, os molúsculos mais gelatinosos e os que se fazem de pitonisas do mundus, vulgo Cavaco Silva, que chegou ao cúmulo de intrigar para disfarçar que intriga, que envenena e que, se pudesse, mandaria circular a carreta.
O homem é o pior presidente o mais inábil, o mais preguiçoso, o mais arrogante, o mais caro, o menos interessante, o mais inculto de todos...

 
Às 21/12/09, 18:05 , Blogger j disse...

Há presidentes, jornalistas, comentadores de jornais, revistas e televisões, historiadores de nome (que não de nomeada), filósofos de filosofias ocas e mortas.
Há "políticos" e "empresários" corruptos.
Há professores que têm do ensino uma visão passadista e que esquecem a sua principal missão: transmitir conhecimentos novos e ensinar aos meninos, ao mesmo tempo, o princípio da dúvida que os fizesse aprender "o bom senso"...
Há tudo isto a quem eu, parafraseando um bom amigo, chamaria de presidentes(jornalistas, comentadores, etc)-gaivota.
Como elas, chegam a correr batendo freneticamente as asas, fazem merda, espalham-na com violência e voam de regresso aos ninhos de origem.
Natal Feliz (se ainda é possível!) para todos os leitores e sobretudo para ti, que tens a paciência de aturar os meus "desmandos"...

 
Às 21/12/09, 19:24 , Blogger T.Mike (Miguel Gomes Coelho) disse...

Nem mais !

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial