sexta-feira, janeiro 20, 2017

Saiu-lhes o Euromilhões!

O povo sou eu. Ele não o disse, mas é o que se retira de um discurso com laivos de populismo, xenofobia e nacionalismo troglodita. 
Quem não sabe ficou a saber que na América não há fábricas. Mudaram-se para o México, que em contrapartida exporta droga para as escolas americanas e imigrantes ilegais que acabam no crime. 
É esta a América que Trump encontrou: um verdadeiro desastre. Nem Silicon Valley lhe vale. Mas tudo vai mudar, promete o novo presidente dos Estados Unidos. "Vamos reconstruir a América com mão de obra americana."
Assim o progresso chegará a todos os americanos, fechando as fronteiras e taxando os produtos importados para proteger a produção americana. 
Fazer da América uma torre de marfim é um projeto arriscado, mesmo para quem vive na torre Trump.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial