sexta-feira, fevereiro 05, 2016

Os manipuladores

Desde que a direita se apoderou da comunicação social, o pluralismo desapareceu dos jornais, das televisões e do comentário político.
A informação que a comunicação social faculta é  obscena e descaradamente manipulada, sem o mínimo respeito pelos cidadãos.
Enquanto governo negociava um orçamento que aliviasse a austeridade que nos empobreceu nos últimos anos, a comunicação social portuguesa  defendia abertamente as teses da Comissão Europeia, cujas receitas são bem conhecidas: privatizar ao desbarato, cortar pensões e salários e fomentar os despedimentos para aumentar a base de recrutamento do capital.

Uma comunicação social ideologicamente encostada à  direita só podia dar nisto. 
Uma vergonha.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial