quarta-feira, outubro 25, 2017

Censura

A apresentação da moção de censura por Assunção Cristas foi uma farsa. A líder do CDS é uma farsante arruaceira que até à data nada acrescentou de positivo ao ambiente político da nossa demcracia. 
Aliada de Passos Coelho durante os quatro anos de desperdício governamental que delapidou o país, foi ela que confessou sem pestanejar ter concordado de olhos fechados com a destruição do Banco Espírito Santo...

Esta oportunista, que teve o desplante de  anunciar uma moção de censura num dia de luto nacional pela morte de dezenas de vítimas dos fogos, é a mesma irresponsável que participou em toda uma panóplia  de decisões contrárias à defesa da floresta durante o governo em que foi ministra da agricultura. A lista é grande e está aqui.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial