quinta-feira, novembro 23, 2017

Infarmexit e outros sintomas

A agência Europeia do Medicamento (EMA) vai sair de Londres para Amesterdão porque o Reino Unido decidiu sair da União Europeia.
O Infarmed saiu de Lisboa não se sabe bem porquê.   Do governo dizem que foi do interesse nacional, mas a vox populi diz que foi para satisfazer o ego do presidente da  câmara do Porto, abalado por não ter conseguido ficar com a EMA. 
Quanto ao interesse nacional estaria também salvaguardado em Lisboa, tal como até agora. Resta a segunda hipótese que, como critério de tomada de decisões de um governo, deixa muito a desejar.

Há pelo menos uma certeza: Nesta decisão, tal como na decisão de ser o Porto a concorrer à EMA quando a candidatura de Lisboa já estava lançada, ninguém se preocupou com os custos, o que parece estar a tornar-se num hábito e num péssimo sintoma.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial