domingo, agosto 19, 2012

Foi preciso matá-las



Há quatro anos que mãe e filha se queixavam das ameaças do cunhado e tio que acabaria por matá-las, incendiando o elevador em que seguiam com um segurança, também ele vítima do celerado de Queluz.

Agora, que já estão mortas, a Policia Judiciária conseguiu  concluir que o crime foi planeado. Durante anos, direi eu, e as vitimas bem avisaram…

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial