sábado, janeiro 17, 2015

"Intenção era mesmo discriminar"

Em desespero por lhe ter faltado o chão, Pires de Lima ainda tentou compor o ramalhete, mas a máscara já tinha caído e, como confirma o Expresso, a intenção era mesmo discriminar os trabalhadores da TAP.
Depois de dividir o Banco Espirito, criando um banco bom e um banco mau, o governo tenta fazer o mesmo com os trabalhadores.
Está-lhes no sangue.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial