segunda-feira, maio 04, 2015

A greve e a privatização

Questionar a greve dos pilotos da TAP sem questionar a privatização é ver apenas uma parte do problema que nem sequer é o mais importante.
Os portugueses não têm razões para acreditar que a privatização da TAP os vai beneficiar. Sobejam os exemplos do contrário.

Só um governo autista e desligado do interesse nacional pode continuar apostado em avançar com a privatização em vésperas de eleições sem o acordo do partido que provavelmente as vai
ganhar. 

Entretanto, o Presidente da República voou para a Noruega, a tempo de aproveitar a primavera nórdica.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial