sábado, abril 02, 2016

O direito de bater nas mulheres


1 Comentários:

Às 03/04/16, 13:17 , Blogger Jaime Santos disse...

Não surpreende a reação destes fundamentalistas. Surpreende, isso sim, que a Lei tenha sido aprovada. Se será aplicada, é outra questão. Mas eu diria que a sua aprovação é uma boa notícia. Mesmo num dos Países mais repressivos do Mundo, há algo que se move...

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial