sábado, maio 05, 2018

Vergonhas e tiros nos pés

Tanto quanto se sabe, o ex-primeiro-ministro José Sócrates ainda não foi julgado nem condenado. O mesmo se diga do seu ex-ministro Manuel Pinho.
No entanto, quem ligar a televisão ou folhear um jornal, fica com a impressão de que já foram condenados.

A avaliar por estes dois exemplos, a imagem que o país transmite não é a de um estado de direito mas de um qualquer estado não democrático,  que não respeita os direitos nem as garantias dos cidadãos.

Poderia pensar-se que a culpa é (apenas) de uma imprensa genericamente tabloide, que nem a lei respeita. Porém, quando o partido do governo se associa á imprensa de sarjeta, antecipando-se aos tribunais na condenação de cidadãos e violando o dever constitucional da presunção de inocência, é a democracia que se questiona.

António Costa desculpa-se, dizendo que "foi apanhado de surpresa",  Mário Soares ainda não parou de dar saltos...

2 Comentários:

Às 06/05/18, 23:04 , Blogger António Ferreira disse...

Sarjeta

 
Às 07/05/18, 06:21 , Blogger José Ferreira Marques disse...

Obrigado Antônio Ferreira

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial