segunda-feira, setembro 12, 2016

O lobista

Ao contrário do que a falecida mulher deu a entender quando o crismou de "Cherne", Durão Barroso nunca foi um líder. Mesmo quando desempenhou o cargo de Presidente da Comissão Europeia, foi sempre uma figura de segundo plano e, mal saiu, apressou-se  a aceitar a função de lobista da Goldman Sachs, uma espécie de manga de alpaca da política.  
Como quem não quer ser lobo não lhe veste a pele, é assim que Bruxelas o vai tratar: lobista, como os anónimos que por lá pululam.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial