quarta-feira, agosto 22, 2012

Educação segregada, mas sem fundos


Segundo uma decisão do Supremo Tribunal de Espanha, os colégios que só admitem alunos e alunas em separado podem existir no sistema educativo espanhol, mas perdem o direito à obtenção de fundos públicos. Em Espanha haverá cerca de setenta escolas nestas condições, a maioria vinculada ao Opus Dei. (El Pais)

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial