quinta-feira, dezembro 18, 2014

Consensos

Cavaco Silva, Pedro Passos Coelho e Paulo Portas têm tentado o passar a mensagem de que estão ansiosos por consensos.
Na prática, porém, nenhum deles faz o mínimo esforço para chegar a consensos seja com quem for. É só conversa para ludibriar o povo. Estes personagens não querem consensos, a não ser que os outros se verguem as suas exigências.
Depois de Salazar, Cavaco Silva é o político mais autoritário dos últimos oitenta anos, e sabemos como Salazar se esforçava por consensos: enchia as prisões com os que não queriam "consensualizar..."

Passos e Portas impuseram a austeridade além da Troica, aumentaram impostos e cortaram salários e Pensões, sem se preocuparem com consensos.

Já venderam praticamente todo o sector empresarial do estado, e fazem ouvidos moucos às vozes que sempre se fizeram ouvir contra o espoliar da riqueza nacional.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial