terça-feira, junho 20, 2017

Oportunismo incendiario

O fumo dos incêndios ainda paira no ar, mas alguns políticos e meios de comunicação não se contentam com as vítimas do fogo, querem mais.

Todos sabemos que mais de 90% da florestas pertence a privados que pouco Investem para as proteger do fogo. Há quem diga que as culpadas são as fábricas de celulose que incentivam a propagação do pinho e do eucalipto.

Vendo as imagens do que se passou na estrada onde morreram a maior parte das vítimas, não se percebe muito bem que, numa zona onde os incêndios regressam regularmente, a floresta comece na berma da estrada. Se fosse criada uma zona livre de floresta ao longo das estradas, não resolveria todos os problemas, mas a amorfia que dura há décadas não resolve nada.

Atirar culpas para quem conjunturalmente nos governa, sem avançar com propostas de solução não adianta nada. Reforçar os meios de combate também não evita os fogos, embora não se possam descurar.
O ordenamento da floresta torna-se imperioso, mas isso passa por convencer meio milhão de proprietários...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial